Naomi Watts, que aceitou o enorme desafio de viver a Princesa de Gales na cinebiografia Diana, tem plena noção das críticas que a esperam depois de o filme ser lançado no Reino Unido, em 20 de setembro. Em entrevista à revista InStyle UK, Watts brincou: “Eu posso ter de me esconder. Eu posso ter de deixar o país”.

“Mais de duas vezes, eu pensei em não fazer isso. Eu disse não antes de dizer sim porque é um desafio massivo para se aceitar. Foram semanas para decidir, e então eu pensei, ‘Deus, eu não gosto da ideia de outra pessoas fazendo esse papel'”, contou à publicação.

Dirigido por Oliver Hirschbiegel, o filme acompanhará os dois últimos anos da vida da Princesa Diana. Mostrará a campanha de Lady Di contra as minas terrestres, assim como seu relacionamento com o cirurgião cardíaco Hasnat Khan e, posteriormente, seu namoro com o empresário Dodi Fayed.

O filme tem estreia no Brasil marcada para o dia 25 de outubro de 2013.

Sem mais artigos