Televisão sem programa de auditório não tem graça. E o Brasil sempre foi um fértil produtor desse tipo de atração. Praticamente desde o início da TV no país, diversos projetos e apresentadores marcaram época liderando as alucinadas plateias nos estúdios.

Qual o programa de auditório mais trash da TV brasileira do passado?

De Sílvio Santos a Chacrinha, de Raul Gil a Bolinha, de Gugu a Fausto Silva, são muitos os mestres do gênero. Sem mencionar outros que também fizeram história no ramo, como Flávio Cavalcanti, J. Silvestre, Moacyr Franco, Barros de Alencar

Em tempos de culto à TV do passado, decidimos então listar os programas de auditório mais deliciosamente trash da história da TV brasileira. Sintonize a galeria a seguir e escolha o seu!

Sem mais artigos