O Rio Festival Gay de Cinema abre nesta quinta (03) sua 4ª edição. São mais de 100 filmes dedicados ao universo LGBT, reunindo curtas, médias e longas de diversos países – incluindo o Brasil.

A Competição Internacional de Longas-Metragens conta com 14 filmes e é o grande destaque do evento. Nesta seleção, surgem 4 longas brasileiros, todos produzidos em 2013: Doce Amianto, de Guto Parente e Uirá dos Reis; muDanças, de Emer Lavinni; Pinta, de Jorge Alencar; e São Paulo em Hi-Fi (foto), de Lufe Steffen.

Outro destaque desse programa é o documentário OUT in the Line Up, que abre o festival contando com a presença do diretor e produtor francês Thomas Castets.

“O RioFGC foi construído com muito orgulho a partir do termo gay, o mais plural, para englobar todos aqueles que se identificam com um estilo de vida moderno e que incorpora o espírito criativo da cultura jovem”, declara Alexander Mello, diretor e curador do evento. “Gay aqui não é somente sexualidade – é libertação, inovação e experimentação em cinema”, conclui.

O Festival acontece de 3 a 13 de julho – termina no dia da final da Copa do Mundo, disputa que acontece no Maracanã, no Rio. A programação completa está no site do RioFGC.

Sem mais artigos