Férias com as crianças em São Paulo: conheça roteiros diferentes

Inverno também é tempo de férias, e a estação reserva surpresas e cores especiais para quem faz questão de interagir com a natureza. O Parque Caminhos do Mar, um dos principais destinos de ecoturismo e próximo da capital paulista, sugere 3 opções de passeios em seus 274 hectares de extensão em meio à Mata Atlântica.

> Siga o novo Instagram do Virgula! Clique e fique por dentro do melhor do Entretê!

A Parquetur, empresa administradora do Parque, apresentará outras atrações no local ao longo dos 30 anos de sua concessão, mas para essas férias, conheça as trilhas que já podem ser visitadas.

Trilha da Estrada Velha de Santos, para quem está de férias, mas ama estudar História! 

Estamos pertinho da comemoração do Bicentenário da Independência do Brasil, e a Trilha da Estrada Velha de Santos é um dos principais marcos da data. É ali que está a interligação com a  Calçada do Lorena, trilha de pedras por onde D. Pedro I passou para proclamar a Independência, em 1822.

Há cem anos, o então governador do Estado de S. Paulo ergueu ao longo dos 8 km de extensão 9 monumentos em homenagem ao centenário da Independência. Hoje tomabados pelo  CONDEPHAAT – Conselho de Defesa do Patrimônio Histórico, Arqueológico, Artístico e Turístico do Estado de São Paulo, passam por um processo de restauração e podem ser visitados durante a caminhada pela estrada. E se nada disso for apelo o suficiente para você ir até lá, lembre-se que na História mais recente, Roberto Carlos eternizou a via em sua música que… melhor nem escrever aqui senão vai grudar na sua cabeça!

Trilha Cachoeira da Torre, para quem quer férias com emoção

Se é de aventura que você gosta, essa é a trilha certa. São aproximadamente 4,5 quilômetros até a cachoeira e o mesmo para o retorno ao Centro de Visitantes do parque, em São Bernardo do Campo, totalizando 9 quilômetros aproximados de percurso. Sua elevação varia de 680 metros a 785 metros de altitude, com inclinações de até 33%.

Ainda pelo caminho, é possível cruzar com alguns riachos que descem devagar à borda da Serra para cair em precipícios enormes, escondidos pela vegetação, metros ao lado de onde caminhamos. Sua água é límpida, (mas não pode beber!), portanto, leve água e itens básicos como protetor solar, repelente de insetos, além de roupas e calçado confortável.

No percurso até a Cachoeira da Torre e, consequentemente no retorno ao Centro de Visitantes do Parque, existem alguns morros que devem ser “vencidos” para completar a trilha. Ao total são aproximadamente sete morros, considerados os mais significativos em relação ao grau de inclinação da trilha, tendo sido esse o motivo do apelido da trilha, conhecida por “Trilha dos 7 morros”.

Se você é daquelas ou daqueles que “já nasceu pronto”, basta entrar em contato com o parque para o agendamento obrigatório – o acompanhamento de monitores do parque não é opcional.

Roteiro Ecológico pela Calçada do Lorena

A trilha de pedras por onde D. Pedro I passou para proclamar a independência tem um bom grau de imersão na Mata Atlântica. Ao longo do percurso é possível ver espécies nativas da Mata Atlântica e conferir de perto a biodiversidade da vegetação da Serra do Mar, conhecer espécies e se conectar com a natureza e todos os seus sentidos. Begônias, Jerivá, Orquídeas (Cattleya purpurata) e a Palmeira de Petrópolis (Syagrus weddelliana) são algumas espécies pelo caminho! A calçada foi a primeira via pavimentada do País.

Construída em 1790 (com conclusão em 1792), ligação do litoral ao Planalto (em média 700 metros do nível do mar), para escoamento de mercadorias e viagens. Sua maior dificuldade era devido ao trajeto escorregadio e íngreme, já que as pedras da calçada eram retiradas de rios e cachoeiras e trabalhadas de forma rústica. Então calce o tênis antiderrapante e aproveite o passeio!

Serviço

Parque Caminhos do Mar

Para compra de ingressos, acesse: www.caminhosdomar.com.br

O parque funciona de 4ª feira a domingo, e também em feriados, das 8h às 17h. Os preços dos ingressos, sem desconto, custam R$ 40 (4ª e 5ª feiras) e R$ 50 (6ª feiras, sábados e domingos). Além de escolher qual a distância quer percorrer o visitante pode contar com um serviço de van que o leva de volta em diferentes pontos da trilha, por R$ 30 por pessoa.

Para os interessados em fazer o passeio da trilha da Cachoeira da Torre, é necessário agendar a visita com três dias de antecedência junto ao Parque Caminhos do Mar, por meio do e-mail caminhosdomar@parquetur.com.br ou pelo número de WhatsApp (11) 97279-5616. Todo o percurso é realizado apenas com agendamento e, obrigatoriamente, com a presença de um monitor do parque, para a segurança dos visitantes.

Visitas para escolas e excursões precisam ser agendadas previamente por meio do e-mail escolas.caminhosdomar@parquetur.com.br ou pelo número de WhatsApp (11) 97279-5616. Estudantes e professores pagam meia entrada, mediante comprovante de carteirinha escolar. O ingresso, com desconto, varia de R$ 20 a R$25 cada.

Portaria de entrada por São Bernardo do Campo:
• SP-148 Estrada Caminho do Mar, Km 42 – Alto da Serra – São Bernardo do Campo/ SP

Portaria de entrada por Cubatão:
• SP-148 Estrada Caminho do Mar, Km 50 – Cruzeiro Quinhentista – Cubatão/SP

Férias com as crianças em São Paulo: conheça roteiros diferentes

Sem mais artigos