Uma nova plataforma de viagem quer que mulheres se sintam mais confiantes e seguras enquanto exploram o mundo. Por isso, agora elas têm um serviço de acomodação exclusivo chamado GoLightly.

A empresa funciona como um Airbnb e disponibiliza residências de pessoas comuns para serem alugadas. O diferencial é que as propriedades precisam ser de mulheres e podem ser reservadas apenas por mulheres, que têm a opção de trazer quem quiserem: companheiros, filhos e em alguns casos até pets.

Já são mais de 350 propriedades ao redor do mundo, localizadas em cidades como Londres, Roma, Paris, Nova York e Dubai.

Para aderir ao serviço é preciso ganhar um convite. Cada membro pode convidar até cinco mulheres para participarem da plataforma. Antes de serem aceitas, tanto as viajantes, quanto as proprietárias dos imóveis passam por um processo de verificação.

De acordo com as informações da revista People, é necessário pagar uma taxa inicial para começar a utilizar a plataforma: US$ 100, quase R$ 430. No entanto, o site oficial informa que atualmente as clientes podem se cadastrar gratuitamente.

Sem mais artigos